Última hora

Última hora

A oposição aceita segunda volta

Em leitura:

A oposição aceita segunda volta

Tamanho do texto Aa Aa

O líder da oposição no Zimbabué anunciou o seu regresso ao país “nos próximos dois dias” para preparar a segunda volta das eleições presidenciais.

Morgan Tsvangirai que dirige o Movimento para a Mudança Democrática (MDC) foi o candidato mais votado na primeira volta das presidenciais de 29 de Março e deverá agora defrontar, na segunda volta, o presidente Robert Mugabe, há 28 anos no poder.

Tsvangirai abandonou o Zimbabué, onde foi ameaçado de processos judiciais por traição, poucos dias depois das eleições e tem viajado por vários países da região austral africana.

O chefe da oposição pôs como condição o destacamento de uma força regional de manutenção de paz para pôr termo à violência que nas últimas semanas fez mais de 30 mortos, centenas de feridos e milhares de deslocados.

Os resultados oficiais do último escrutínio indicam que Tsvangirai venceu Roberto Mugabe mas sem maioria absoluta.