Última hora

Última hora

UE reúne-se para debater assistência a vítimas do Myanmar

Em leitura:

UE reúne-se para debater assistência a vítimas do Myanmar

Tamanho do texto Aa Aa

É uma questão de vida ou morte para o povo do Myanmar. A União Europeia vai reunir-se de emergência esta terça-feira para debater a assistência humanitária à antiga Birmânia, assolada por um devastador ciclone na semana passada. As Nações Unidas consideram que entre um e quase dois milhões de pessoas lutam pela sobrevivência.

O número de mortos provocados pela tragédia está ainda por determinar mas de acordo com a ONU a falta de assistência humanitária pode elevar para mais de 100 mil as vítimas mortais, além dos desaparecidos, que se estima que sejam mais de 220 mil.

O ministro dos Negócios Estrangeiros britânico, David Milliband, disse que a junta militar que governa Myanmar de ser autora de uma negligência maligna que vai transformar o desastre numa catástrofe humanitária.

As autoridades birmanesas são acusadas de não deixar fluir os bens de primeira de necessidade e auxilio médico.