Última hora

Última hora

Hewlett-Packard compra EDS

Em leitura:

Hewlett-Packard compra EDS

Tamanho do texto Aa Aa

Cinco anos depois da compra da Compaq, o gigante norte-americano Hewlett-Packard regressa às grandes aquisições, desta vez ao comprar a concorrente Electronic Data Systems (EDS) por 13,9 mil milhões de dólares, o equivalente a 9 mil milhões de euros, um valor que inclui já as dívidas.

O preço pago representa um prémio de um terço em relação à última cotação da EDS, o que levou os analistas a considerar um negócio demasiado caro, mas provavelmente eficaz a longo prazo.

Isto porque a HP quer tornar-se número um mundial dos serviços tecnológicos e destronar a arqui-rival IBM.

Actualmente, a IBM lidera o mercado, com uma facturação de 37 mil milhões de euros, enquanto a Hewlett-Packard e a EDS têm um volume de negócios conjunto de 26 mil milhões. Seguem-se a Accenture e a CapGemini.

Esta compra pode scausar uma onda de consolidação, neste sector.

A IBM deixou, há já vários anos, a actividade de fabrico de computadores, para se centrar nos serviços. Já a HP aposta na união com a EDS para avançar neste sector. Até agora, tem-se centrado no fabrico de material informático, sobretudo computadores e impressoras.