Última hora

Última hora

Não é com leis que se combate a pirataria

Em leitura:

Não é com leis que se combate a pirataria

Tamanho do texto Aa Aa

O combate à pirataria e aos ‘downloads’ ilegais não passa pela legislação, mas sim por uma maior colaboração entre as empresas do sector. Esta é a opinião do comissário europeu para o Mercado Interno – em contradição com o governo francês, que está a estudar uma lei repressiva contra a pirataria ‘online’. Charlie McCreevy participou, esta terça-feira, numa conferência sobre a Contrafacção e a Pirataria, em Bruxelas.

O comissário alerta para a ameaça que a pirataria representa para a indústria europeia, em geral. “É preciso desenvolver uma estratégia de luta contra estes ladrões, que estão a prejudicar cada vez mais negócios, empresas e consumidores”, afirmou.

O comissário defende uma estreita colaboração entre os industriais, a polícia e os organismos de defesa da propriedade intelectual e industrial. E disse esperar que esta conferência seja o princípio de um plano de acção de combate à pirataria.

No ano passado, mais de 120 milhões de artigos de contrafacção foram apreendidos, na União Europeia.