Última hora

Em leitura:

Nomeação de Clinton parece cada vez mais distante


mundo

Nomeação de Clinton parece cada vez mais distante

Hillary Clinton é dada como vencedora nas primárias da Virgínia Ocidental mas esta vitória não será suficiente para que a ex-primeira dama recupere o terreno perdido face a Obama.

Apesar de ter conseguido até agora menos votos, menos estados e menos super-delegados que o seu rival a senadora de Nova Iorque não desiste do combate eleitoral:

“Todo o país e todo o mundo estão de olhos postos na Vírgina Ocidental que tomará uma decisão com consequências importantíssimas”.

Mas Clinton tem poucas hipóteses de ser nomeada e várias vozes no partido democrata pedem a sua desistência.

Entretanto, Obama tem razões para sorrir, conseguiu o apoio de 1867 delegados mais 150 que a rival.

Mas segundo as previsões, nenhum deles deverá alcançar os 2025 necessários para obter a nomeação democrata às presidenciais dos Estados Unidos.

A úiltima palavra caberá aos superdelegados, que são livres de votarem em quem quiserem na convenção marcada para Agosto, em Denver, no Colorado.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Projecto-lei sobre pesquisa embrionária ultrapassa primeiro desafio