Última hora

Última hora

Beirute vive dia de tréguas entre governo e Hezbollah

Em leitura:

Beirute vive dia de tréguas entre governo e Hezbollah

Tamanho do texto Aa Aa

Beirute amanheceu com a notícia da anulação das medidas tomadas contra o Hezbollah pelo governo libanês. Depois do anúncio, os habitantes da capital libanesa festejaram pela noite fora com tiros de alegria. Beirute ainda está sob fortes medidas de segurança, mas os principais acessos da cidade deverão ser desbloqueados esta quinta-feira.

Um vendedor de jornais diz que o Líbano “pertence aos libaneses e que espera que o pais fique bem e que os líderes cheguem a um consenso”.

A decisão surgiu poucas horas depois da chegada a Beirute de uma delegação da Liga Árabe para mediar o conflito entre a maioria anti-síria e a oposição, apoiada pelo país vizinho e pelo Irão. A 6 de Maio, o governo libanês anunciou que ia investigar uma rede paralela de telecomunicações do grupo xiita e demitiu o director de segurança do aeroporto, alegadamente próximo do Hezbollah.

O líder do movimento disse que estas medidas eram “uma declaração de guerra” e pouco tempo depois, membros armados da oposição xiita tomaram de assalto Beirute ocidental, defendida por partidários sunitas do governo libanês.

Estes foram os piores confrontos inter-comunitários no Líbano desde o fim da guerra civil no país, em 1990.