Última hora

Última hora

Casais gay vão poder casar na Califórnia

Em leitura:

Casais gay vão poder casar na Califórnia

Tamanho do texto Aa Aa

Dia de festa para os activistas a favor do casamento gay, nos Estados Unidos. O supremo tribunal da Califórnia suspendeu a proibição estatal do casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Uma medida que vai permitir aos casais homossexuais celebrar o matrimónio dentro de um mês.

À porta do tribunal, as reacções são de alegria. Uma mulher diz que está “muito contente, porque esperava há muito tempo pela notícia”. “Disse-lhe que a amava e perguntei-lhe se queria casar comigo e ela disse sim. Estou tão feliz por poder casar com ela, é o dia mais emocionante da minha vida”, afirmou uma das activistas presentes.

Uma medida que coloca o estado mais populoso dos Estados Unidos ao lado do Masachussets, o único onde pessoas do mesmo sexo podem casar legalmente. Uma conquista histórica para o movimento dos direitos homossexuais, mas uma derrota para os sectores mais conservadores da sociedade.

Glen Lavy, um representante de uma organização que defende o casamento heterossexual afirma estar “desapontado, porque não acredita que o poder judicial possa decidir sobre uma instituição básica da sociedade”.

O autarca de S. Francisco congratulou a decisão do tribunal. Em 2004, o presidente da câmara da “capital gay” dos Estados Unidos, abriu as portas da autarquia para os casais do mesmo sexo que quisessem casar. Durante um mês, 400 casais contrairam matrimónio, até o supremo tribunal por fim a esta prática.

Calcula-se que existam mais de 92 mil casais gays no Estado da California, conhecido pelo papel histórico que teve na vanguarda dos movimentos sociais e culturais nos Estados Unidos.