Última hora

Última hora

Georgianos elegem novo parlamento

Em leitura:

Georgianos elegem novo parlamento

Tamanho do texto Aa Aa

Os georgianos elegem amanhã um novo parlamento. O escrutínio é decisivo para o presidente Mikheil Shaakashvili que pretende mostrar ao mundo a vocação democrática da ex-república soviética e dissipar as acusações de fraude eleitoral que ensombraram as últimas eleições. A Geórgia atravessa um período de instabilidade política, marcada pelas reivindicações separatistas da Abcássia e da Ossétia do sul duas regiões protegidas por Moscovo.

O presidente Saakashvilli mostra-se confiante de que o seu partido, o movimento nacional unido, vai conseguir uma maioria parlamentar para governar. As eleições são disputadas por doze partidos. O principal líder da oposição, que lidera uma coligação de nove partidos, Levan Gachechiladze, afirma que no dia 21 de Maio terminará a “era do terror político na Geórgia”.

Uma alusão à violenta repressão das manifestações da oposição no início do ano que culminaram com o encerramento de uma cadeia de televisão e a declaração do estado de emergência.

A oposição promete aumentar o salário mínimo e atenuar a tensão com a Rússia.

O escrutínio deverá ser seguido por mil observadores internacionais, nomeadamente 400 especialistas da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa.