Última hora

Última hora

Pescadores mantêm braço de ferro

Em leitura:

Pescadores mantêm braço de ferro

Tamanho do texto Aa Aa

Dezenas de barcos bloquearam, sexta-feira, o porto de pesca em Boulogne, no Norte de França. É mais um sinal de alerta deixado pelos homens do mar face ao aumento dos preço dos combustíveis.

Em Portugal, os armadores dos barcos de pesca vão paralisar a partir do próximo dia 30, por tempo indeterminado. Em França, o protesto desta sexta-feira estendeu-se a várias refinarias de petróleo, intensificando, a greve que dura já há uma semana.

Os pescadores querem ver reduzido para metade o preço do litro do gasóleo. Uma reivindicação rejeitada pelo Ministro das Pescas francês durante um encontro com representantes do sector.

O governo mantém o programa de ajuda no valor de 310 milhões de euros, acrescido de um suplemento social de mais 40 milhões.

Na Bélgica, centenas de pescadores, ofereceram peixe a quem passava. Os homens do mar admitem, no entanto, adoptar novas formas de luta caso, o governo não dê resposta às suas reivindicações.