Última hora

Última hora

Olhos postos na Irlanda

Em leitura:

Olhos postos na Irlanda

Tamanho do texto Aa Aa

O futuro do Tratado de Lisboa decide-se, hoje, na Irlanda. O país é o único dos 27 a pronunciar-se em referendo, como dita a constituição. Para entrar em vigor em Janeiro do próximo ano, o texto tem de ser ratificado por todos os estados-membros. Bruxelas está de olhos postos na consulta popular irlandesa já que se apresenta como principal obstáculo à ratificação

O presidente do Parlamento Europeu, Hans Gert Pottering, diz que nos últimos dias se registam progressos a favor do sim e espera que na sexta- feira, dia da contagem dos votos o sim seja o grande vencedor. Sim ou não é a grande incógnita. As últimas sondagens dão uma vitória ao sim com 42% dos votos, mais 3 pontos percentuais que o não.

A decisão pode, por isso, ficar nas mãos dos cerca de 19% de indecisos. A abstenção é uma das principais preocupações do governo irlandês, que em 2001 aquando da votação do Tratado de Nice atingiu os 60%. Uma situação, que a repetir-se reverte a favor do Não. Até ao momento, 18 países da União Europeia aprovaram texto via parlamentar. Esta quarta-feira, foi a vez da a Filândia, Estónia e Grécia daram luz verde ao Tratado de Lisboa.