Última hora

Última hora

Soldados da EUFOR debaixo de fogo em ataque de rebeldes chadianos

Em leitura:

Soldados da EUFOR debaixo de fogo em ataque de rebeldes chadianos

Tamanho do texto Aa Aa

No Leste do Chade, soldados irlandeses do contingente europeu encarregado da protecção de refugiados estiveram debaixo de fogo durante um assalto rebelde à localidade de Goz-Beina.

É a primeira vez que tropas da EUFOR se encontram no meio de um tiroteio entre insurgentes e o exército chadiano.

O comandante das tropas irlandesas disse que não sabe exactamente “quem disparou sobre os seus homens”.

A localidade abriga mais de cem mil deslocados chadianos e refugiados sudaneses do vizinho Darfur. Pelo menos 24 pessoas ficaram feridas nos combates entre militares e rebeldes chadianos.

Um porta-voz dos insurgentes garantiu que não pretendem uma confrontação directa com soldados da EUFOR, enquanto estes se mantiverem neutros.

O assalto aconteceu no terceiro dia do que os rebeldes classificam de uma ofensiva para derrubar o presidente Idriss Deby.