Última hora

Última hora

Zimbabué: Comunidade internacional indignada após desistência de candidato da oposição

Em leitura:

Zimbabué: Comunidade internacional indignada após desistência de candidato da oposição

Tamanho do texto Aa Aa

A comunidade internacional reagiu com indignação à desistência do candidato da oposição no Zimbabué. Estados Unidos, Reino Unido e União Europeia foram unânimes na condenação da violência do regime de Mugabe.

O líder do Movimento para a Mudança Democrática anunciou este domingo o abandono da segunda volta da corrida presidencial: “Resolvemos não participar neste processo eleitoral violento, ilegítimo e fraudulento. O povo corajoso do Zimbabué e os membros do MDC fizeram tudo o que era humana e democraticamente possível para ter um novo país um novo Governo”.

Horas antes milhares de elementos de uma milícia ligada à Zanu-PF do presidente Mugabe irromperam armados de bastões num comício do MDC, no centro de Harare.

O regime de Robert Mugabe não reagiu de imediato ao anúncio da retirada do MDC.

O ministro da Justiça declarou apenas que os preparativos e a campanha para o escrutínio vão continuar a menos que o MDC notifique oficialmente a Comissão Nacional de Eleições sobre a desistência.