Última hora

Última hora

FED deixa taxa de referência nos 2%

Em leitura:

FED deixa taxa de referência nos 2%

Tamanho do texto Aa Aa

A Reserva Federal norte-americana manteve inalterada a sua taxa directora, esta quarta-feira, ao final de uma reunião de dois dias. Uma medida que marca o início de um novo ciclo na política monetária do Banco Central norte-americano.

Numa estratégia bastante agressiva, a FED reduziu a sua principal taxa de juro de 5,25%, registados em Setembro, para 2%, no dia 30 de Abril. Na última redução do preço do dinheiro o banco central norte-americano anunciou uma suavização da sua política monetária.

De acordo com os economistas dos Estados Unidos, a medida de há sensivelmente um mês e meio foi a última de um longo ciclo e tão cedo não deverá ser alterada.

No entanto, se até aqui Ben Bernanke e a sua equipa de governadores tentaram a todo o custo lutar contra a recessão económica e contra as tensões nos mercados financeiros, agora não podem passar ao lado de um outro risco: o da inflação.

Apesar das subidas dos preços dos combustíveis e dos produtos alimentares, a taxa de referência da Reserva Federal está para já nos 2%, o nível mais baixo desde Novembro de 2004. Resta saber por quanto mais tempo a FED vai ficar sem alterar a sua política monetária.