Última hora

Última hora

Chegou à Alemanha o escândalo do queijo podre reciclado para produtos supostamente "frescos"

Em leitura:

Chegou à Alemanha o escândalo do queijo podre reciclado para produtos supostamente "frescos"

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia germânica efectuou buscas numa fábrica no sul do país suspeita de recolher queijo em mau estado ou fora de prazo com o objectivo de o reutilizar.

A operação policial acontece depois do jornal italiano La Repubblica ter revelado que o queijo estragado de dezenas de empresas europeias era recolhido por três fábricas italianas e uma alemã.

Um porta-voz da polícia germânica explica que “foram informados através de uma reportagem que a fábrica podia estar envolvida no escândalo do queijo. Não receberam qualquer informação de nenhuma autoridade italiana”.

Na sexta-feira, o La Repubblica publicou uma investigação que revelava que, durante os últimos dois anos, cerca de quarenta grandes empresas italianas, britânicas, austríacas e alemãs se desembaraçaram desta forma de onze mil toneladas de queijo estragado.

O material era depois processado e vendido a indústrias do sector para elaborar produtos lácteos vendidos em Itália e em vários outros países europeus, resultando em centenas de milhões de euros de rendimentos.