Última hora

Última hora

Glaciar argentino de Perito Moreno sofre com aquecimento global

Em leitura:

Glaciar argentino de Perito Moreno sofre com aquecimento global

Tamanho do texto Aa Aa

Enquanto os líderes mundiais discutem as alterações climaticas, a prova do aquecimento global chega da Argentina.

Em pleno inverno austral, um pedaço de mais de 60 metros do glaciar Perito Moreno, na Patagónia, está a derreter, um acontecimento raro nesta época do ano.

O fenómeno é provocado pela pressão das águas sobre o dique de gelo, que abre fissuras e provoca o aparecimento de espaços vazios, que levam ao desmoronamento.

O glaciar de Perito Moreno fica perto da turistica cidade de El Calafate, a 2800 quilómetros de Buenos Aires e tem uma superfície de 275 quilómetros quadrados e uma frente que mede entre quatro e cinco quilómetros.

O colapso cíclico dessa “represa” de gelo, que comporta um afluente do lago Argentino, acontece geralmente no Verão. Este ano, no entanto, começou mais cedo. Cientistas e ambientalistas apontam o dedo às mudanças climáticas.