Última hora

Última hora

PKK diz que só libertará reféns alemães quando Berlim mudar de política face aos curdos

Em leitura:

PKK diz que só libertará reféns alemães quando Berlim mudar de política face aos curdos

Tamanho do texto Aa Aa

Os rebeldes curdos afirmam que só vão libertar os reféns alemães quando Berlim alterar a sua política face ao povo curdo e ao PKK.

Em comunicado, o Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) afirmou que os três alpinistas não foram maltratados e estão de boa saúde.

Os homens foram levados por cinco rebeldes, na quarta-feira, quando realizavam uma expedição no monte Ararat, na Turquia.

Desde o início do ano, vários dirigentes do PKK, condenados por Ancara, foram detidos em território alemão.

O Partido dos Trabalhadores do Curdistão faz parte da lista das organizações terroristas da União Europeia.