Última hora

Última hora

Alemanha quer parceria energética com a Argélia

Em leitura:

Alemanha quer parceria energética com a Argélia

Tamanho do texto Aa Aa

A cooperação energética, militar e industrial está no centro da discussão, no segundo dia da visita de Angela Merkel à Argélia.

No seu dia de aniversario, a chanceller alemã anunciou que quer iniciar uma parceria energética com o país do norte de África.

Merkel encetou conversações com o presidente argelino Abdelaziz Bouteflika. E anunciou a criação de uma comissão com os governos e empresários dos dois paises, dado que há 140 empresas germânicas implantadas na Argélia.

Berlim procura assim diversificar as suas fontes de energia, já que é altamente dependente da Rússia, que fornece quarenta por cento das necessidades de gás da Alemanha.

Merkel apresentou ainda um projecto de desenvolvimento de energia solar no estado africano, o segundo maior no continente que abarca uma grande parte do deserto do Sahara.

A Argélia tem a sétima maior reserva de gás natural do mundo e é o segundo maior exportador deste fonte de energia. É ainda o 14º país com maiores reservas de petróleo.