Última hora

Última hora

Kantar e libaneses festejam vitória contra Israel

Em leitura:

Kantar e libaneses festejam vitória contra Israel

Tamanho do texto Aa Aa

Samir Kantar foi recebido como herói pelos libaneses na aldeia natal, e pelo menos por agora as diferentes facções mostram-se unidas contra os israelitas.

Kantar foi condenado pela justiça de Telavive a cinco penas de prisão perpétua e mais 47 anos adicionais por um triplo homicídio no Estado hebraico em 1979.

Kantar era membro da Frente Nacional de Libertação da Palestina há 30 anos. Nas primeiras palavras à multidão afirmou que a resistência não pode parar. À Agência France Press, o ex-prisioneiro garantiu não se arrepender do passado.

A liberdade de Kantar foi conseguida graças a um acordo entre Israel e o Hezbollah para a troca dos cadáveres de dois soldados israelitas mortos no último conflito do Líbano por quatro combatentes libaneses vivos e os corpos de 199 guerrilheiros, transferidos esta quinta-feira de Naqoura, no sul, até à capital Beirute.

As autoridades israelitas tentam defender-se dos críticos que consideram o acordo com Hezbollah mau para o Estado hebraico. Representantes governamentais reafirmaram que Samir Kantar e os outro quatro guerrilheiros continuam a ser considerados terroristas.