Última hora

Última hora

Papa critica o consumismo e a sobreexploração dos recursos naturais

Em leitura:

Papa critica o consumismo e a sobreexploração dos recursos naturais

Tamanho do texto Aa Aa

Celebrações do dia Mundial da Juventude na Austrália, com o sumo-pontífice a viajar de barco na baía de Sydney ao encontro de mais de 150 mil jovens que o aguardavam numa das margens da baía.

Na sua alocução, Bento XVI pediu a juventude para não se deixar seduzir pelos “falsos ídolos” da sociedade de consumo que, segundo o Papa, está a esgotar os recursos naturais.

O líder da igreja católica lembrou que a existência de alguns países do Pacífico está em risco por causa da subida dos níveis do mar, enquanto outros sofrerem com a seca.

Depois de 3 dias de repouso numa propriedade da Opus Dei, Bento XVI iniciou esta quarta-feira a visita oficial a Sydney.

Nas palavras dirigidas aos governantes australianos, o sumo-pontifíce saudou o pedido de desculpas da Austrália aos aborígenes:

“Graças à decisão corajosa do governo australiano de reconhecer as injustiças cometidas contra os povos indígenas no passado, estão a ser dados passos concretos para uma reconciliação baseada no respeito mútuo”.

Reduzir o fosso entre as comunidades é uma das prioridades do governo de Kevin Rudd que tomou posse em Fevereiro.

Os aborígenes a comunidade mais pobre da Austrália.

A visita de bento XVI prossegue até à próxima segunda-feira.