Última hora

Última hora

UE prepara-se para bloquear 600 milhões euros para Bulgária

Em leitura:

UE prepara-se para bloquear 600 milhões euros para Bulgária

Tamanho do texto Aa Aa

Um relatório preliminar da Comissão Europeia sobre o país, citado pelos media búlgaros, prevê o bloqueio de 600 milhões de euros de fundos destinados a Sófia.

O relatório denuncia a falta de vontade do governo em combater a fraude na distribuição dos fundos europeus e a existência de conflitos de interesse na administração.

A Bruxelas pretende retirar a licença a duas agências encarregues de fazer a gestão dos fundos.

O primeiro-ministro búlgaro, Serguei Stanishef, diz que a oposição faz aproveitamento político e “acusa de forma infundada o presidente Gueorgy Parvanov, de ter usufruído de financiamento privado na campanha eleitoral”.

Stefan Sofyanski, da União dos Democratas Livres, não se fica pelas palavras e vai agir no parlamento. “Estabelecemos a data para apresentar a moção de censura. Será no dia 24 de Julho. Já recolhemos 80 assinaturas”, anunciou.

Não é a primeira vez que Bruxelas bloqueia fundos à Bulgária. Sófia defende-se referindo que todos os países da União tiveram problemas com fundos europeus e que a Bulgária está a aprender a lidar com eles.