Última hora

Última hora

Pacifistas manifestam-se junto ao Parlamento alemão

Em leitura:

Pacifistas manifestam-se junto ao Parlamento alemão

Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de 500 recrutas do exército alemão juraram bandeira numa cerimónia realizada pela primeira vez frente ao Parlamento, em Berlim.

O acto serviu, ainda, para assinalar mais um aniversário sobre a tentativa de assassinato de Adolfo Hitler a 20 de Julho de 1944.

A cerimónia que se realiza há nove anos voltou a estar rodeada de protestos por parte de grupos pacifistas:

“Preferia que este tipo de cerimónias não se realizasse já que apenas serve para ensinar os jovens a morrer pela pátria. Penso que a questão deveria ser analisada sobre outra perspectiva, ou seja, a do desarmamento.”

Os manifestantes consideram que eventos como este promovem a guerra e pedem ao governo o regresso de todos os soldados em missões no estrangeiro.

Cerca de 1800 policias foram mobilizados para o local, mas os confrontos foram inevitáveis. Vários manifestantes acabaram por ser detidos.