Última hora

Última hora

Papa pede desculpa às vítimas de pedofilia na Austrália

Em leitura:

Papa pede desculpa às vítimas de pedofilia na Austrália

Tamanho do texto Aa Aa

O Hipódromo de Sydney foi palco de uma vigília presidida pelo Papa Bento XVI, em que o Sumo Pontífice pediu profundas desculpas às vítimas de padres pedófilos católicos na Austrália.

Apesar de uma associação de vítimas considerar que só as desculpas não chegam, é preciso fazer algo de concreto, o certo é que o tom de Bento XVI foi agora mais forte. Na visita que fez aos Estados Unidos, o Papa reconheceu a vergonha pelo que se passou durante anos.

O assunto foi abordado perante a hierarquia da igreja católica australiana, acusada por muitos de não ter reagido de maneira adequada aos casos de pedofilia. Bento XVI lamentou profundamente o sofrimento das vítimas

Para estarem presentes na cerimónia, parte das dezenas de milhares de peregrinos atravessaram a ponte de Sydney, encerrada este sábado ao trânsito também por causa das Jornadas Mundiais da Juventude.

A pertubar o desfile, pouco mais de meio milhar de activistas anti-Papa distribuiram preservativos aos peregrinos, ao mesmo tempo que proferiram palavras de ordem como “ O Papa não tem razão”, “coloque o preservativo”.