Última hora

Última hora

OMC: Última oportunidade para salvar ronda de Doha

Em leitura:

OMC: Última oportunidade para salvar ronda de Doha

Tamanho do texto Aa Aa

Arranque de uma semana decisiva de negociações sobre a liberalização do comércio mundial.

3 anos depois da data limite para a conclusão da ronda de Doha, as negociações no seio da OMC continuam num impasse.

O “não” irlandês ao Tratado de Lisboa e a intransigência da França em fazer mais concessões nas subvenções à agricultura, deixam a União Europeia sem margem de manobra no braço-de-ferro com as economias emergentes.

Por seu turno os países desenvolvidos procuram conseguir junto dos emergentes uma redução dos direitos aduaneiros para os serviços e produtos industriais.

As dúvidas sobre um possível sucesso das negociações são ainda maiores por causa da situação dos Estados Unidos.

Contra a vontade da administração Bush, o Congresso aprovou legislação que prevê o aumento das ajudas à agricultura. Com eleições para a Casa Branca em Novembro, são muitos os que se interrogam sobre o interesse de um compromisso que a próxima administração poderá não aceitar.

Em plena crise de matérias-primas alimentares as reuniões desta semana são vistas como a última oportunidade para salvar a ronda de Doha