Última hora

Última hora

Diplomata dos EUA nega existência de acordo para impedir julgamento de Karadzic

Em leitura:

Diplomata dos EUA nega existência de acordo para impedir julgamento de Karadzic

Tamanho do texto Aa Aa

O diplomata norte-americano que negociou o acordo de paz de Dayton desmentiu hoje as acusações de Karadzic. O ex-líder dos sérvios da Bósnia afirmou que tinha chegado a acordo com os Estados Unidos para não ser julgado.

Richard Holbrooke garantiu, esta quinta-feira, que as alegações são falsas:
“Em Junho de 1996 fui a Belgrado negociar um acordo com Milosevic e dois subordinados de Karadzic. Segundo o acordo, Karadzic devia abandonar os cargos de presidente da parte sérvia da Bósnia e de presidente do partido e ainda desaparecer da vida pública. Ele assinou o acordo com relutância e nunca esteve presente durante as negociações mas para se proteger pôs essa história falsa a circular”.

Richard Holbrooke classificou a detenção de Karadzic como um “acontecimento histórico” que ajudará a “estabilizar a Sérvia e a Bósnia”.