Última hora

Última hora

Presidente argentina explica-se ao eleitorado sobre Doha e taxa sobre exportações

Em leitura:

Presidente argentina explica-se ao eleitorado sobre Doha e taxa sobre exportações

Tamanho do texto Aa Aa

Já era tempo da presidente argentina Cristina Fernandez de Kirschner dar explicações ao eleitorado e aos jornalistas sobre o que tem andado a fazer.

A chefe de Estado deu a primeira conferência de imprensa desde que tomou posse há oito meses.

Cristina Fernandez debruçou-se sobre duas questões essenciais, a política interna e o fracasso de Doha.

A presidente explicou que continua a haver reflexões importantes sobre o papel dos países em vias de desenvolvimento num mercado global. No entanto, nesta fase, as posições entre países desenvolvidos e em vias de desenvolvimento estão desequilibradas.

Cristina Fernandez está numa nova fase do mandato. Nos últimos quatro meses, os protestos, fizeram cair a popularidade da chefe de Estado. O país ficou paralisado com greves durante várias semanas.

Os agricultores mostraram-se revoltados com a aplicação de uma taxa aos produtos exportados, diminuindo por isso a margem de lucro. A contestação foi tal que a presidente foi obrigada a mudar de estratégia, até porque o imposto da discórdia foi chumbado no Congresso.