Última hora

Última hora

Saakashvilli acusa Rússia de querer mudar o regime de Tbilissi

Em leitura:

Saakashvilli acusa Rússia de querer mudar o regime de Tbilissi

Tamanho do texto Aa Aa

Depois do não da Rússia ao cessar-fogo proposto pela Georgia, as acusações voltam a subir de tom. O presidente georgiano anunciou hoje em conferência de imprensa que o Kremlin está a tentar levar a cabo uma limpeza étnica. Saakashvilli voltou a acusar Moscovo de querer anexar parte do território georgiano e de tentar “levar a cabo uma mudança de regime em Tbilissi, a mudança de um governo que foi democraticamente eleito”.

O chefe da diplomacia francesa e o chefe de estado georgiano visitaram esta manhã a cidade de Gori, a 60 quilómetros da capital, recentemente bombardeada pelas forças russas. Durante o passeio foi anunciado um alerta de raide aéreo, provocando o pânico entre as comitivas. Apesar do susto, o presidente georgiano e Bernard Kouchner não sofreram qualquer ferimento.