Última hora

Última hora

Saakashvili anuncia que a Geórgia vai abandonar a CEI

Em leitura:

Saakashvili anuncia que a Geórgia vai abandonar a CEI

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da Geórgia anunciou que o país vai abandonar a Comunidade dos Estados Independentes, organização que reúne uma dezena de antigas repúblicas soviéticas. Mikhail Saakashvili foi hoje recebido por uma verdadeira multidão no centro de Tbilissi. Por entre apelos à união e críticas a Moscovo dezenas de milhares de pessoas seguiram atentamente o discurso do chefe de Estado georgiano.

Momentos depois diante da comunicação social internacional, Saakashvili acusou Moscovo de querer pôr em causa a independência do país: “O que está em causa não é a presidência da Geórgia mas é uma tentativa de acabar com a liberdade e a independência do país e fazer medo aos outros. Mas a nossa mensagem é: façam o que fizerem e por mais que nos bombardeiem e nos queiram vergar não vamos desistir da nossa liberdade, a Geórgia nunca se vai render”.

O presidente georgiano voltou a acusar a Rússia de levar a cabo uma limpeza étnica na Ossétia do sul e de ter preparado antecipadamente a incursão militar contra a Geórgia.