Última hora

Última hora

Ninho seduz turistas em Pequim

Em leitura:

Ninho seduz turistas em Pequim

Tamanho do texto Aa Aa

A nove dias do final dos Jogos, o “Ninho”, o colossal estádio olímpico construído em Pequim, recebe as primeiras competições.

Uma multidão de espectadores do mundo inteiro convergiu para a estrutura de aço com capacidade para mais de 90 mil pessoas. Uma longa fila de espera, mas, para muitos estrangeiros, é o deslumbramento…

“O estádio é maravilhoso, é uma coisa para a qual nem tenho palavras, é muito lindo, é uma coisa nova, uma coisa que nunca vi na minha vida”, afirma um turista brasileiro

Para outros, como uma turista alemã, o calor e as zonas refrigeradas com grandes diferenças de temperatura são o pior, “mas uma vez que se esteja vestido para as circunstâncias, tudo corre bem”, refere.

O clima é também a preocupação de um cidadão croata, que se queixa do calor e da humidade em Pequim, mas que considera apesar de tudo ser “mais fácil para os espectadores assitirem às provas do que para os atletas, participarem nelas”.

Já na cerimónia de abertura o estádio se tinha revelado uma gigantesca sauna. Um factor que, no entanto, não desmotiva o público. Para as finais deste sábado está prevista ainda uma maior afluência nas bancadas do Ninho.