Última hora

Última hora

Primeiro carregamento de ajuda humanitária chega a Gori

Em leitura:

Primeiro carregamento de ajuda humanitária chega a Gori

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro carregamento de ajuda humanitária chegou finalmente a Gori, a cidade estratégica da Geórgia que tem estado nas mãos dos soldados russos.

Veículos do Programa Alimentar Mundial, do Alto Comissariado para os Refugiados da ONU e também do Crescente Vermelho conseguiram fazer chegar víveres a cerca de 1500 pessoas.

Segundo as Nações Unidas eleva-se a quase 160 mil o número de refugiados deste conflito.

O presidente do Comité Internacional da Cruz Vermelha também já está na Geórgia. Este domingo em Tbilissi, Jacob Kellenberger visitou campos de refugiados e pode constatar a distribuição dos primeiros víveres a cerca de 400 famílias.

Kellenberger afirmou que “neste centro, de condições muito pobres, pode sentir-se muito bem a dimensão do que estão a passar os refugiados que estão muito vulneráveis e bastante dependentes”.

Mas a ajuda não vai chegar ao mesmo tempo a todo o lado. Cerca de 15.000 refugiados ficaram isolados, desde que uma ponte ferroviária a 35 quilómetros de Tbilissi foi destruída no Sábado.