Última hora

Em leitura:

Tempestade ameaça tornar-se furacão antes de entrar na Florida


Cuba

Tempestade ameaça tornar-se furacão antes de entrar na Florida

Depois de semear a morte no Haiti e na Republica Dominicana, a tempestade tropical Fay abateu-se sobre Cuba com fortes chuvas e ventos a atingirem os 110 quilómetros por hora, segundo os meteorologistas locais

A tempestade provocou pelo menos 50 mortos no Haiti e na Republica Dominicana mas em Cuba não há o registo de vítimas. 10 mil pessoas deixaram as suas residências para evitar o pior.

O fenómeno atmosférico dirige-se agora para a Florida e as autoridades norte-americanas lançaram o alerta de furacão. Estimam que as águas quentes do estreito da Florida vão dar mais força à tempestade. A chegada a terra está prevista para esta segunda feira à noite.

As populações preparam-se para o pior.

“Estou um pouco preocupada é a minha primeira tempestade. Mudámo-nos para aqui há quase um ano estamos um pouco apreensivos. À pouco estivemos na água a ver as nuvens. Regressámos logo”, confessa uma norte-americana.

A maior parte das populações locais está habituada a este tipo de fenómenos. O meteorologistas prevêem para esta época uma actividade mais intensa com um total de seis furacões, dois dos quais bastante violentos.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Merkel garante à Geórgia uma futura entrada na NATO