Última hora

Última hora

Estados Unidos e Polónia assinam acordo para instalação de escudo anti-míssil

Em leitura:

Estados Unidos e Polónia assinam acordo para instalação de escudo anti-míssil

Tamanho do texto Aa Aa

A Secretária de Estado norte-americana, Condoleeza Rice assinou esta manhã em Varsóvia, o acordo para a instalação de parte do escudo anti-míssil norte-americano na Polónia.

Até 2012, 10 mísseis de intercepção, com um alcance de 3 mil quilómetros, vão ser colocados em território polaco, a apenas 200km do enclave russo de Kaliningrado.

Face à desconfiança de Moscovo, Washington sublinhou que o sistema, orçado em mais de 3 mil milhões de euros é apenas defensivo, tendo em vista um possível ataque iraniano.

Tusk afirmou que, “o acordo entre Polónia e os Estados Unidos pretendem reforçar a segurança mútua através da cooperação nas áreas, política e militar, partilha de informação, indústria de defesa e pesquisa e operações tecnológicas”.

O presidente polaco, Lech Kaczinsky, destacou que o sistema anti-míssil, garante uma “protecção contra a ingerência russa”.

Rice sublinhou por seu lado, a importância da assinatura do acordo de cooperação, “não só para assegurar a defesa contra futuras ameaças, mas para o aprofundar os laços políticos entre os dois países estabelecidos há 20 anos”.

O sistema, cuja eficácia é posta em causa por vários especialistas, deverá ser completado com a instalação de um radar na República Checa que permitirá detectar o lançamento de mísseis em toda a zona do Médio Oriente.

A assinatura do acordo na Polónia põe fim a 18 meses de negociações marcadas pela ameaça de Moscovo de apontar armas aos dois países, outrora aliados da União Soviética.

Varsóvia exigiu ainda como condição para assinar o acordo, a instalação de uma bateria anti-míssil norte-americana, numa futura base militar que deverá acolher 200 soldados estrangeiros.