Última hora

Última hora

Blindados russos deixam Gori mas tropas cavam trincheiras em Porti

Em leitura:

Blindados russos deixam Gori mas tropas cavam trincheiras em Porti

Tamanho do texto Aa Aa

Mais um dia que passa e mais uma chuva de promessas por parte da Rússia sobre a retirada das tropas da Geórgia.

As autoridades de Moscovo asseguram que estão a abandonar posições mas que o processo será mais visível a partir de amanhã.

Verdade ou não, só a realidade no terreno o poderá comprovar.

Segundo o Secretário do Conselho georgiano de Segurança Nacional, mais de 50 blindados russos partiram de Gori em direcção à Ossétia do Sul.

Mas a televisão georgiana Rustavi-2 mostrou imagens de soldados russos a cavar trincheiras junto a um cruzamento de estradas e linhas férreas perto de Poti.

A Abcásia e a Ossétia do Sul pediram entretanto à Rússia para reconhecer a independência das duas regiões georgianas.

De acordo com o ministro georgiano do Interior, é a prova de que as forças russas não vão sair tão cedo e que estão a fortalecer posições em diversas cidades como é o caso de Poti.

Moscovo entregou no Conselho de Segurança das Nações Unidas um projecto de resolução com base nos seis pontos do acordo assinado entre os presidentes russo e francês. Ao contrário do que foi revelado por França, a integridade territorial da Geórgia não é referida no documento.