Última hora

Última hora

Reconstrução da Geórgia custa 1,5 mil milhões de euros

Em leitura:

Reconstrução da Geórgia custa 1,5 mil milhões de euros

Tamanho do texto Aa Aa

A Geórgia precisa de quase mil e 500 milhões de euros, para a reconstrução. O governo de Tbilissi pede a ajuda da comunidade internacional para reconstruir as infra-estruturas destruídas pelo conflito com a Rússia. Mas, para já, é a segurança que preocupa o director da OSCE (Organização para a Segurança e Cooperação na Europa), Alexander Stubb, de visita à região: “A boa notícia é que a ajuda parece ter sido desbloqueada. A ajuda vai cá chegar, vamos receber os alimentos. A má notícia é que a protecção civil não existe.”

Do lado osseta, a ajuda humanitária preparada pela ONU há vários dias, continua sem poder entrar no território. António Guterres, o Alto-comissário da ONU para os Refugiados está no terreno, para tentar avaliar a situação. Uma situação que é difícil, para muitas pessoas. ““Não tenho casa. Não tenho onde viver”, diz um habitante de Tskhinvali. E continua: “Os que ainda têm casa, quando chove, têm a água a entrar por todos os lados. Eu… perdi tudo.”

Os Estados Unidos estão a estudar o pedido de ajuda para a reconstrução da Geórgia. Quanto à União Europeia, já desbloqueou cinco milhões de euros de ajuda humanitária a enviar para o país. Sobretudo alimentos, instalações sanitárias, roupas, cobertores e abrigos para os refugiados, estimados em várias dezenas de milhar.