Última hora

Última hora

Michelle Obama: "Acredito que o meu marido vai ser um presidente extraordinário"

Em leitura:

Michelle Obama: "Acredito que o meu marido vai ser um presidente extraordinário"

Tamanho do texto Aa Aa

Michelle Obama foi a estrela do primeiro dia da convenção democrata em Denver, no Colorado.

A mulher do candidato à Casa Branca fez um discurso de união, muito dirigido à classe trabalhadora norte-americana, numa clara tentativa de afastar as críticas dos republicanos, que a acusam de ser pouco patriótica e elitista.

A advogada de 44 anos, mãe de duas filhas disse estar ali na qualidade “de uma mulher que ama o seu marido”, que será um “presidente extraordinário”.

“Barack e eu fomos criados com os mesmos valores: é preciso trabalhar para conseguirmos o que queremos na vida; a nossa palavra é sagrada e devemos cumprir aquilo que dizemos; é preciso tratar as pessoas com dignidade e respeito, mesmo que não as conheçamos ou que não estejamos de acordo com elas”, disse Michelle Obama.

Um discurso emocionado e muito aplaudido que no final ganhou um tom ainda mais familiar. Barack Obama, que está no Kansas, falou com as duas duas filhas e com a mulher através de uma ligação de satélite.