Última hora

Última hora

Estados Unidos com menos um inimigo no Sul do Iraque

Em leitura:

Estados Unidos com menos um inimigo no Sul do Iraque

Tamanho do texto Aa Aa

É um novo sinal de um possível acordo entre Washington e Bagdade para a retirada de tropas norte-americanas do Iraque.

O líder xiita radical, Moqtada Al-Sadr, anunciou a suspensão definitiva das operações da milícia do exército do Mahdi contra os soldados norte-americanos.

Sadr, que em tempos fora o inimigo número um de Washington no Sul Iraque, anunciara, no início de Agosto, que estava pronto a desarmar a guerrilha se a Casa Branca retirasse as suas tropas do país.

Bagdade tinha anunciado há dias que a saída dos norte-americanos poderia ocorrer o mais tardar em 2011, uma informação entretanto desmentida por Washington.

O líder xiita, acusado de ligações ao Irão, quer reorganizar uma parte da guerrilha, que deverá dedicar-se a tarefas sociais.

Um anúncio que deixa pressagiar as ambições políticas de Moqtada Al-Sadr, aproveitando-se da influência crescente face ao seu rival, o moderado ayatollah Ali Sistani.