Última hora

Última hora

Europa sem concenso sobre sanções à Rússia

Em leitura:

Europa sem concenso sobre sanções à Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Os presidentes da Lituânia, Polónia e Estónia reuniram-se, na noite de quinta-feira, para concertarem posições para a cimeira do Conselho Europeu, da próxima segunda-feira.

Em causa estão as sanções a impor à Rússia, consequência da guerra com a Georgia.

Um reunião que, aparentemente, não produziu grandes resultados.

“Nós não vimos ainda a retirada das tropas russas, não vimos progressos no processo do paz na região. Focalizamo-nos essencialmente na forma como a Europa deve falar, a uma só voz, porque isso parece-nos o mais importante”, disse o presidente lituano.

Entretanto, o chefe da diplomacia de Paris já disse que a presidência francesa não vai apresentar qualquer proposta de sanções à Rússia.

Bernard Kouchner diz que isso é um processo a concertar, durante a reunião.

A France Press garante que este recuo foi motivado pela falta de consenso, entre os 27.

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia já comentou a situação com humor e chamou “petit choucou” do ocidente à Georgia.

Em Bruxelas, o embaixador Russo também duvida das sanções e advertiu que podiam ser prejudiciais, para ambas as partes:

“Antes de mais nada, duvido altamente que isso possa acontecer. Mas, em teoria, falando de hipóteses, isso seria tanto ou mais prejudicial para a União Europeia, como para a Rússia”.