Última hora

Última hora

Itália paga indemnizações pela colonização da Líbia

Em leitura:

Itália paga indemnizações pela colonização da Líbia

Tamanho do texto Aa Aa

A Itália acerta contas com a História. As três décadas de ocupação da Líbia, na primeira metade do século passado, vão custar aos cofres de Roma 3,4 mil milhões de euros de compensações.

O acordo foi assinado entre Silvio Berlusconi e o presidente líbio, Muammar Kadhafi, na cidade de Benghazi, a mil quilómetros de Tripoli.

A indemnização será paga ao longo dos próximos 25 anos, através do financiamento de projectos de desenvolvimento na Líbia. Está prevista, nomeadamente, a construção de uma longa autoestrada da Tunísia ao Egipto, atravessando toda a Líbia; a construção de habitações; a instalação de empresas italianas na Líbia e o pagamento de bolsas a estudantes líbios em Itália e de pensões aos mutilados, vítimas das minas que a Itália colocou durante a era colonial.

As forças italianas desembarcaram na Líbia em 1911 e declararam guerra aos otomanos, tendo ficado até serem gradualmente expulsas pelos aliados, nos anos 40. A Líbia acusa a Itália de ter matado milhares de pessoas e ter obrigado milhares de outras a abandonarem as áreas de residência.