Última hora

Última hora

Primeiro-ministro japonês demite-se

Em leitura:

Primeiro-ministro japonês demite-se

Tamanho do texto Aa Aa

Yasuo Fukuda anunciou, esta tarde em conferência de imprensa, que abandona o cargo de chefe de governo por considerar que é a melhor solução para o Japão.

Fukuda, de 72 anos, chegou ao poder em Setembro do ano passado com 60 por cento de taxa de popularidade, uma percentagem que caiu rapidamente e que ainda hoje se mantém a níveis muito baixos.

Esta situação deve-se em parte à maioria conseguida pela oposição no Senado e que tem bloqueado em parte a sua acção governativa. A câmara baixa do parlamento é controlada pela formação de Fukuda, o Partido Liberal Democrata.

No início de Agosto, Yasuo Fukuda procedeu a uma remodelação governamental, substituindo os ministros da Economia e das Finanças, e nomeou o seu rival Taro Aso líder do Partido Liberal Democrata.

Yasuo Fukuda tomou posse como primeiro-ministro há cerca de um ano, depois de o seu antecessor, Shinzo Abe, se ter demitido também ele ao fim de 12 meses no cargo.