Última hora

Última hora

Haia rejeita responsabilidade da Holanda no massacre de Srebrenica

Em leitura:

Haia rejeita responsabilidade da Holanda no massacre de Srebrenica

Tamanho do texto Aa Aa

O TPI rejeitou esta manhã a responsabilidade da Holanda no massacre de Srebrenica, em 1995.

Na queixa interposta junto do Tribunal Penal Internacional para a ex-Jugoslávia, um grupo de sobreviventes do massacre acusa o batalhão holandês das Nações Unidas encarregue de proteger o enclave de Srebrenica, no este da Bósnia, de ter entregue milhares de refugiados muçulmanos às forças sérvias da Bósnia liderados por Ratko Mladic.

Recorde-se que o enclave de Srebrenica foi colocado sob a protecção da ONU até ao dia 11 de Julho de 1995, quando foi invadido pelas forças sérvias da Bósnia.

Cerca de 8000 muçulmanos, homens e crianças do sexo masculino, foram executados pelas tropas comandadas por Mladic, o criminoso de guerra mais procurado pelo TPI. Os cadáveres foram colocados em valas comuns.