Última hora

Última hora

Milhares de pessoas retidas nos aeroportos por causa da falência da XL Airlines

Em leitura:

Milhares de pessoas retidas nos aeroportos por causa da falência da XL Airlines

Tamanho do texto Aa Aa

Qualquer coisa como oitenta mil pessoas que tinham viagem de avião marcada através do operador britânico Leisure XL vão ficar em terra.

O motivo é a falência do grupo que apenas hoje foi comunicada através do site da companhia aérea associada, a XL Airlines.

A autoridade de aviação civil no Reino Unido está neste momento a tratar de encontrar voos noutras companhias para repatriar os estrangeiros.

A companhia voava para 50 destinos, em especial para zonas mediterrânicas.

Este passageiro explica que deixou Newport, no sul do País de Gales, não havia qualquer informação, não havia notícias nenhumas na rádio sobre o cancelamento de voos. No blacão de informações do aeroporto é que revelaram que não havia mais voos.

As filiais francesas e alemãs apressaram-se a comunicar que são empresas autónomas da Leisure XL e portanto nenhum voo afecto às congéneres da companhia britânica será cancelado.

O grupo britânico não resistiu às últimas turbulências na economia e entrou em falência por causa dos preços de petróleo, da falta de liquidez e da crise nos mercados mundiais.