Última hora

Última hora

Alitalia está por um fio, é a última reunião para salvar a companhia

Em leitura:

Alitalia está por um fio, é a última reunião para salvar a companhia

Tamanho do texto Aa Aa

Já está a decorrer a reunião para tentar salvar a Alitalia. Depois de terem sido suspensos todos os voos por falta de dinheiro para pagar combustível, o governo italiano, os administradores da empresa e os sindicatos reuniram-se ao final da tarde para encontrar uma solução e evitar a declaração de falência.

O primeiro-ministro Silvio Berlusconi já garantiu que fará todos os possíveis para salvar a companhia aérea italiana.

Os representantes dos trabalhadores rejeitaram até agora a proposta de um consórcio italiano de investidores para um plano de reestruturação que passaria pela supressão de postos de trabalho e reduções salariais.

Um representante dos nove sindicatos da Alitalia mostra-se apesar de tudo optimista, tem consciência de que a situação é grave, que não há alternativas, mas acredita numa solução.

O Estado italiano detém 49,9 % da Alitalia, as acções em bolsa foram suspensas em Junho, a companhia não apresenta lucros há 9 anos e em Julho acumulava uma dívida superior a mil milhões de euros.

O eventual fim da Alitalia é considerado como um golpe forte para sindicatos, governo e para o país pois é uma das empresas mais emblemáticas de Itália, símbolo do Boom económico do pós-guerra.