Última hora

Última hora

Chegou ao fim a Expo Saragoza

Em leitura:

Chegou ao fim a Expo Saragoza

Tamanho do texto Aa Aa

A cerimónia de encerramento foi presidida pelo Rei de Espanha, Juan Carlos, e pelo primeiro-ministro, José Luís Zapatero. A gala, que decorreu no Palácio de Congressos sintetizou as conclusões de mais de dois mil peritos de várias áreas do conhecimento conhecimento sobre a “Água e desenvolvimento sustentável”.

O Rei de Espanha aproveitou a cerimónia para elogiar a organização e o seu país, afirmando que esta foi uma oportunidade que permitiu a Espanha apresentar-se de novo ao mundo como um grande país moderno e dinâmico o que prova a sua capacidade organizacional.

A Expo 2008 reuniu durante três meses 105 países sob o lema “Água e desenvolvimento sustentável”.

Apesar dos mais de cinco milhões de visitantes, os resultados ficaram à quem das espectativas, a organização contava com mais um milhão.

Em contraponto, a número de visitas ao Pavilhão de Portugal, superou o esperado, no final de agosto 600 mil visitantes tinham já entrado no espaço português.

“Paisagens do Rio” encerra a Expo 2008. Este momento foi concebido pelo compositor norte-americano Philip Glass e o cenógrafo de luz francês Christophe Berthoneau, responsável pelo fogo-de-artifício que encerrou a Expo 98, em Lisboa.