Última hora

Última hora

Odierno assume comando das forças da coligação

Em leitura:

Odierno assume comando das forças da coligação

Odierno assume comando das forças da coligação
Tamanho do texto Aa Aa

Sai David Petraeus entra Raymond Odierno. Foi em Bagdade, num antigo palácio de Saddam Hussein que Petraeus devolveu o comando da força multinacional no Iraque ao secretário da Defesa norte-americano, Robert Gates. De seguida, Gates passou a tutela a Odierno.

Raymond Odierno, promovido a general de quatro estrelas durante a passagem de testemunho, foi o principal responsável pela captura de Sadam Hussein, no final de 2003. Nos primeiros meses da sua comissão foi bastante criticado pela brutalidade das operações militares perante civis.

Entre 2006 e 2008 assumiu o comando das forças expedicionárias americanas no Iraque e pediu com insistência um reforço de tropas depois autorizado sob o comando geral de Petraeus.

Terminou assim a chefia de Petraeus, considerado o artesão de um apaziguamento da violência no Iraque, depois do país ter estado à beira da guerra civil. O militar assume agora o comando central das forças armadas para o Médio Oriente e Ásia, onde supervisionará, além da guerra no Iraque, o conflito no Afeganistão.

Por ocasião da cerimónia e da visita do secretário de Defesa ao Iraque, centenas de manifestantes protestaram no bairro xiita de Sadr City, na capital, contra a presença militar norte-americana no país.