Última hora

Última hora

Bolsas mundiais vivem segundo dia de fortes quedas

Em leitura:

Bolsas mundiais vivem segundo dia de fortes quedas

Tamanho do texto Aa Aa

As bolsas europeias viveram um segundo dia consecutivo de descalabro, depois de já ontem terem fechado em forte queda. O Euro Stoxx 50 perdeu pouco mais de 3%. O Footsie 100, da bolsa londrina, teve uma queda de quase 3,5%. Paris e Milão fecharam também com pesadas descidas. Lisboa e Madrid contrariaram a tendência. Os índices das duas bolsas ibéricas terminaram as sessões ligeiramente acima da linha de água.

O PSI-20 fechou em alta de 0,09%, graças à subida nos papéis da Portugal Telecom. A bBolsa de Moscovo foi a mais atingida, com uma queda a pique nos títulos da banca. O índice RTS, cotado em dólares, perdeu mais de 11%.

Os títulos do Sberbank e do VTB, dois bancos estatais, foram fortemente penalizados pela crise que está a varrer todo o sector. No mercado cambial, o euro está perto de 1,42 USD. A cotação do petróleo esteve a caír cerca de 3%, tanto em Londres como em Nova Iorque.