Última hora

Última hora

Seis mortos em ataque dos EUA em região tribal paquistanesa

Em leitura:

Seis mortos em ataque dos EUA em região tribal paquistanesa

 Seis mortos em ataque dos EUA em região tribal paquistanesa
Tamanho do texto Aa Aa

Um bombardeamento norte-americano na região tribal do Paquistão que faz fronteira com o Afeganistão fez pelo menos seis mortos e cerca de uma dezena de feridos. Segundo responsáveis paquistaneses, o ataque resultou de uma troca de informação entre Islamabad e os Estados Unidos e visou militantes ligados à Al-Qaida.

O chefe das Forças Armadas norte-americanas, o general Mike Mullen, comprometeu-se esta quarta-feira com o respeito da soberania paquistanesa. No vizinho Afeganistão, o secretário da Defesa norte-americano abordava a recente polémica em torno da perda de vidas civis no combate contra os Talibã.

Robert Gates defendeu que “nas raras ocasiões em que são cometidos erros, é preciso apresentar rapidamente as desculpas, compensar as vítimas e avançar com uma investigação. Tem sido essa a política no Iraque e deve-se fazer o mesmo” no Afeganistão.

O presidente Hamid Karzai, que recebeu Gates em Cabul, tinha mostrado grande indignação depois de um ataque da coligação que, segundo as Nações Unidas, terá provocado a morte a noventa civis.