Última hora

Última hora

Tolerância zero para condutores sob o efeito de drogas

Em leitura:

Tolerância zero para condutores sob o efeito de drogas

Tamanho do texto Aa Aa

O vice-presidente da Comissão Europeia (CE), Jacques Barrot, apresentou, na quinta-feira, o plano anti-drogas para o período 2009-2012, que combina medidas repressivas com prevenção.
Tolerância zero para condutores sob o efeito de estupefacientes é o principal eixo do plano da CE, pelo que Barrot espera que os 27 países da União harmonizem as legislações nesta matéria. “Nós corremos cada vez mais riscos com os jovens que fumam charros e que sem darem conta podem constituir uma ameaça maior em termos de conduta automóvel”, realçou.
A Comissão espera que dentro de dois anos haja resultados concretos das experiências-piloto que 19 países comunitários estão a realizar com sistemas de detecção de droga nos condutores, para depois instaurar controlos semelhantes aos da alcoolemia.
Quanto às campanhas de prevenção, a CE pretende utilizar personalidades do cinema e da música para chegar aos mais jovens.