Última hora

Última hora

HBOS salvo pelo Lloyds

Em leitura:

HBOS salvo pelo Lloyds

Tamanho do texto Aa Aa

Negócio fechado para a formação de um novo gigante da banca no Reino Unido. O Lloyds confirmou a compra do HBOS, o maior banco imobiliário do país, por 15 mil milhões de euros.

Esta é uma medida para salvar o HBOS,que foi o banco mais castigado pela recente crise nas bolsas.

Um empregado do HBOS desconfia do que é dito nos jornais: “Tudo não passa de uma crise de confiança. O nosso banco é tão bom como qualquer outro, mas basta vir uma pessoa dizer que o HBOS está com problemas para toda a gente vir atrás. Depois é difícil parar a onda, quando está a ir nessa direcção”.

Esta é uma operação que conta com o apoio do governo de Londres. Tal como aconteceu com o Nothern Rock, o executivo chefiado por Gordon Brown fez com que o banco fosse salvo da falência.

“Tomámos a decisão certa, decisiva e firme para proteger a estabilidade do sistema financeiro e os clientes dos bancos, tal como fizemos com o Northern Rock, porque é necessário fazer com que o sistema financeiro avance”, disse o chefe do governo britânico.

O novo gigante formado pelo Lloyds e pelo HBOS vai absorver 28% do mercado britânico das hipotecas e ter uma reserva de 100 mil milhões de euros. A carteira de clientes vai atingir os 38 milhões.

Depois de vários dias de quedas a pique, as acções do HBOS estiveram a subir na bolsa de Londres, graças às notícias. No espaço de apenas três dias, o banco perdeu uma grande parte do valor, devido ao medo de que a tempestade nos mercados o levasse à falência.