Última hora

Última hora

Livni reúne direcção do Kadima

Em leitura:

Livni reúne direcção do Kadima

Tamanho do texto Aa Aa

A pensar no futuro governo isrealita, a recém eleita líder do Kadima reuniu a direcção do partido no poder.

Tzipi Livni convocou, esta sexta-feira, o grupo parlamentar e os ministros do partido.

Um encontro que ficou marcado pela ausência do ministro dos Transportes. Shaul Mofaz anunciou a retirada da vida política depois de ter perdido para Livni a liderança do Kadima.

Mas os 430 votos obtidos pela ministra dos Negócios Estrangeiros isrealita não garantem acesso directo à chefia do governo.

O líder do partido Shas, ultra-ortodoxo, já se mostrou disponível para continuar na coligação com algumas condições. Entre elas está o aumento da ajuda às famílias desfavorecidas e a promessa que Jerusalém não estará sobre a mesa das negociações com os palestinianos.

O partido que dispõe de 12 lugares no Parlamento Isrealita é fundamental para que Livni possa manter uma coligação centro-esquerda, sem recorrer a formações árabes.

O primeiro-ministro, Ehud Olmert, prepara-se para apresentar a demissão. Em seguida o Chefe do Estado deverá convocar Livni a apresentar um novo Governo no prazo de 42 dias.