Última hora

Última hora

Aviões da Alitália podem ficar parados dentro de 3 ou 4 dias

Em leitura:

Aviões da Alitália podem ficar parados dentro de 3 ou 4 dias

Tamanho do texto Aa Aa

Os aviões da Alitália vão deixar de voar dentro de três ou quatro dias se não for apresentado um plano de salvamento da empresa.

O presidente da Aviação Civil Italiana, Vito Rigio, assegurou esta segunda-feira que vai retirar a licença de voo à companhia aérea de bandeira que perde diariamente 3 milhões de euros e apresenta um “deficit” global de mil e 200 milhões.

Após semanas de negociações com sindicatos e governo, o consórcio interessado em investir mil milhões para adquirir a empresa recuou nas intenções.

O governo espera convencer a CAI, cujo plano foi rejeitado por pilotos, assistentes de bordo e pessoal de terra, a regressar, apesar de tere merecido a aprovação de 4 confederações.

A administração da Alitália vai publicar de anúncios internacionais a convidar investidores a lançarem ofertas de aquisição até dia 30.