Última hora

Última hora

Fortis salvo pelo BNP Paribas

Em leitura:

Fortis salvo pelo BNP Paribas

Tamanho do texto Aa Aa

Um dos maiores bancos franceses, O BNP Paribas, vai assumir o controlo do grupo Fortis na Bélgica e no Luxemburgo.

Uma operação no valor de 14,5 mil milhões de euros que lhe permite tornar-se no primeiro banco europeu em termos de depósitos e dispondo de 3,3 milhões de clientes de retalho e 1458 sucursais.

O BNP Paribas indica que irá pagar 9 mil milhões de euros em acções e 5,5 mil milhões de euros em dinheiro por uma posição de 75% no Fortis Bank Belgium e 66% do Fortis Banque Luxembourg.

O primeiro-ministro belga, Yves Leterme, contragula-se com a operação que permite perenizar o grupo Fortis e desenvolver a sua actividade no país.

Os governos europeus estão a dar o tudo por tudo para salvar as instituições financeiras na zona euro numa altura em que a crise de crédito se agrava.

Este domingo, na Alemanha, o Governo e a indústria financeira do país acordaram um plano de 50 mil milhões de euros para evitar a falência do banco imobiliário Hypo Real Estate Holding, depois de ter falhado um acordo inicial.

O grupo Dexia desmentiu que as dificuldades pelas quais passa a Hypo Real State representem um perigo para a sua actividade, mas nas bolsas o grupo registou esta segunda-feira uma queda de 12%.